Diretor do Butantan diz ter sido procurado por russos para parceria em vacina

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, disse nesta quarta-feira (29) que a instituição foi procurada pela estatal russa responsável pelo desenvolvimento de uma vacina contra a Covid-19, em fase de testes.

“Fomos procurados por emissários do governo russo. (…) Queriam saber se poderíamos nos associar. Dissemos que poderíamos analisar e que precisaríamos de dados mais concretos, conhecer melhor a vacina. Não recebemos o retorno”, afirmou Covas.

O diretor do Butantan acrescentou que a vacina da Rússia não está em fase final de desenvolvimento e, por ora, não é listada no site da Organização Mundial da Saúde.

Mesmo assim, ele afirmou que ainda é prematuro dizer se o instituto descartaria uma parceria com a estatal russa.

Leia mais: O erro dos governadores na pandemia. Clique aqui para ler mais
Mais lidas
  1. Governo estima que mortes por Covid cheguem a 2 mil por dia

  2. Exclusivo: assessor de Mourão procura Congresso: "É bom estarmos preparados"

  3. AGÊNCIA DA ALEMANHA RECOMENDA QUE VACINA DA ASTRAZENECA NÃO SEJA USADA EM MAIORES DE 65 ANOS

  4. "Mega epidemia daqui a 60 dias"

  5. Santos Cruz, sobre Bolsonaro: "Falta de respeito com a população e o país"

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 26 comentários
TOPO