Disputa da Heineken por fonte de água vai à AGU

O Departamento Nacional de Produção Mineral vive uma guerra de pareceres em processo que envolve a Heineken.

O STJ decidiu que a cervejaria não pode explorar as minas de água que abastecem a fábrica da Bahia. E um parecer da procuradora Paula Castro reconheceu o direito de um empresário local sobre as minas.

Só que um segundo parecer, assinado por Herbert Pereira, ligado ao procurador-geral do DNPM, mantém os direitos da Heineken, apesar da opinião dos técnicos do departamento.

O imbróglio segue agora para a Advocacia-Geral da União.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

  1. Nossa justiça corrupta mais uma vez fica ao lado dos exploradores da pátria!
    Justiça vendida e juízes corruptos.
    As fontes de águas do Brasil pertencem à nação.
    Vender e deixar explorar é crime de lesa pátria!

Ler mais 32 comentários
  1. Nossa justiça corrupta mais uma vez fica ao lado dos exploradores da pátria!
    Justiça vendida e juízes corruptos.
    As fontes de águas do Brasil pertencem à nação.
    Vender e deixar explorar é crime de lesa pátria!

  2. Vamos defender a cervejaria, a política não vai mudar mesmo, se entra esse ou aquele desta atual safra vão cotinuar roubando e a cerveja vai continuar sendo a nossa base de escape para aturar tantos vagabundos na política brasileira.

  3. “Um segundo parecer, assinado por Herbert Pereira, ligado ao procurador-geral do DNPM, mantém os direitos da Heineken, apesar da opinião dos técnicos do departamento.”
    Ah sei, então tá….

  4. Pode ser a AMBEV, que todos anos recebe centenas de bilhões em incentivos fiscais do governo federal e estadual, inexplicavelmente, visto não gerar empregos (a fabricação é toda automatizada), além dos prejuízos a saúde. Claro que boa parte desse incentivo volta para os políticos, num claro ato de corrupção, outra vai para mídia.

    1. Correto! O Brasil é campeão mundial em criar normas e obstáculos burocráticos ao setor produtivo. Aí vem a tradicional ” mordida” para facilitar as coisas…
      ** por MORDIDA, entenda-se de forma bem clara: PROPINA/CORRUPÇÃO/ROUBO MESMO…

  5. Esse demora toda é para obrigar a Eineken pagar uma propina para certos funcionários públicos, ou então para que a Eineken pague propina para o tal empresário que foi declarado dono das minas, que por sua vez vai pagar propina para algum funcionário público.

  6. Esta confusão chama-se propina, os holandeses não querem entrar na normalidade brasileira. Tenho amigos na mineração e sei da grande preocupação com o meio ambiente é balela. Quantos da barragem que estourou em Minas Gerais estão presos, o dinheiro comprou as punições.

  7. Os empresários da Heineken são holandeses e por sua cultura e costumes são sérios e é quase certo que estão tentando suborná-los para liberarem a licença da água. Não estão preocupados com o meio ambiente e sim com dindin, money, mufunfa. Estamos no Brasil e Brasília dá um belo exemplo.

    1. Que eu saiba, não há empresários holandeses, há sim a compra que a Kaiser fez e a represntação dela aqui no BR.

  8. Ver no noticiário esses marginais que assaltam o país sendo presos e eu tomando uma Heineken, é bom demais. Quando prenderem o Gilmar Mendes vou ter de aumentar a dose para comemorar. A água tem de continuar a ser de primeira.

  9. Aposto como a fábrica de cerveja está sendo extorquida pela máfia da burocracia e do funcionalismo público brasileiro.
    É impossível fazer negócios no Brasil sem molhar as patas desses vagabundos do poder público.

  10. Continuem destruindo a fabrica de nuvens na amazonia , matando os mananciais, e jogando lixo nos rios, criando boi pirata, que isto será somente o começo do apocalipse.
    Bando de abestados!!

    1. Não entendo esse alarmismo, já explico porque: 1º se juntassemos toda a população do planeta aqui no Brasil e dividissemos todas as terras de forma equitativa entre todos, teríamos o equivalente a um campo de futebol para cada família; 2º Mais ou menos 70% do planeta é composto de água nas mais diferentes formas, água doce, salgada e na atmosfera; 3º o planeta é um sistema fechado, portanto toda água que ele contém, aqui fica, ñ a fuga d’água; Por isso é que ñ entendo o alarmismo, aliás entendo sim, ele enquadra-se na NOVA COR DO COMUNISMO, ou seja, o movimento ecológico é um dos maiores portadores das ideologias nefastas da esquerdopatia reinante, ex.: já citado nos comentários, o Desastre de Mariana em MG, ñ deu nada p/ ninguém, assim é que só aparece o que importa a agenda comunista