Disque M para matar M

Lauro Jardim registra que as relações entre Emílio Odebrecht e Marcelo só fazem piorar, desde que o patriarca escolheu o filho Maurício… para sucedê-lo no comando da Kieppe, controladora da Odebrecht.

Emílio ainda tem de cumprir quatro anos de prisão domiciliar.

O patriarca discou M para matar M.

Este é o assunto desta semana. E da próxima semana. Mas você precisa saber de todos detalhes AGORA

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 13 comentários
  1. A ganância destrói tudo, pois tem na corrupção seu caminho mais rápido para acessar muito dinheiro e também, invariavelmente, é o caminho de acabar com tudo de bom que se pode ter.

  2. Essa empreiteira já superfaturou o pib de países. Levou uma merreca de multa, vai continuar mandando no mercado. O dono na mansão com uma tornozeleira. Se acharem 10 reais do Fabricio, pega perpé

  3. É que Maurício continuaria as falcatruaras, enquanto o Marcelo, que acabar de vez com ela. ele realmente se arrependeu do feito, e quer recuperar a empresa, mas o pai quer a continuação.