Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Do jeito que está, representa uma farra fiscal"

O deputado Paulo Eduardo Martins (PSC) deu “graças a Deus” por Rodrigo Maia ter adiado o projeto que serve como alternativa ao Plano Mansueto em socorro a estados e municípios.

“Do jeito que está, representa uma farra fiscal, que fará o endividamento da União explodir”, afirmou, no Twitter.

“Temos que cuidar para não implantarmos a sequência do caos: endividamento excessivo e impressão de dinheiro.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO