ACESSE

Dodge contra o Escola Sem Partido

Telegram

Em seu último dia na PGR, Raquel Dodge apresentou nova ação ao Supremo que busca suspender toda e qualquer norma que promova “vigilância e censura” sobre professores.

O alvo são leis municipais e estaduais inspiradas no movimento Escola Sem Partido que proíbem doutrinação política e ideológica sobre alunos de ensino fundamental e médio.

Escreveu na ação que leis do tipo implicam em “restrição desproporcional à liberdade de expressão docente, revelando-se como uma medida excessiva e desnecessária para tutelar a liberdade de consciência dos alunos”.

O que une Gleisi Hoffmann e o líder do DEM? A Lava Jato, claro.

Comentários

  • Edelson -

    Escola sem partido e voltar ao tempo das cavernas. Totalmente inadmissível.

  • Luiz -

    Engavetadora geral da república. Já vai tarde.

  • João -

    DESPEITADA, SAIA COM DIGNIDADE, DEIXE DE MESQUINHARIA!

Ler 84 comentários