Dodge pede sequência de inquérito sobre portos

Contrariando pedido da defesa de Michel Temer, Raquel Dodge defendeu o prosseguimento das investigações do presidente no STF relativas ao Decreto dos Portos.

Em manifestação enviada a Luís Roberto Barroso, relator do inquérito, a procuradora-geral destacou que ainda há diligências a cumprir.

Os advogados de Temer argumentaram que contratos da Rodrimar –a empresa suspeita de favorecimento pelo decreto– haviam sido analisados pela Secretaria Nacional dos Portos, com recomendação para que nem todos fossem renovados.

Com isso, a defesa pediu que Barroso reconsiderasse a decisão de investigar o presidente.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 34 comentários
  1. Isso mesmo dra Raquel Dodge o presidente ladrão nomeou a senhora para a PGR só que seu salário quem paga somos nós os contribuintes, portanto tem que prosseguir investigação para o ladrão presidente.

  2. Temer deve ter roubado bilhões nestas várias décadas de meliância na político. É um meliante dos mais nojentos do país. Se houver uma terceira denúncia, acho que o que literalmente sobrou para temer oferecer para os bandidos da Câmara Federal foi o c* dos brasileiros. Vamos ter que fazer fila e em decúbito ventral pra pagar a compra de votos do Temer.

  3. Apesar de ter respeito pelo MPF, não confiava no Janot, como não alimento boas expectativas em relação à nova PGR. Gostei desta decisão. Tomara que eu esteja enganado e ela venha surpreender positivamente. O Brasil precisa.

  4. Dodge que se cuide, pedir para continuar o procedimento dessa denúncia, além de ser inócuo, pois essa portaria de Temer, ajudou 90 % de todos operadores que atuam no porto de santos, antes da década de 90.
    Talvez seria melhor Dodge trocar a cadeira da PGR, só dela estar sentada na mesma cadeira de Enganot, onde ele ficou peid@ndo desde 2013.
    Troca de cadeira, e pare de querer chamar mais atenção, que seu antecessor.

    1. Tio Rei, o Janot foi um tremendo PGR, encarou o poder como nenhum tinha feito até então. Talvez não tenha te agradado, já que deixou nus Temer/Aécio, coisa que o Moro já tinha feito com Lula. Toma VERGONHA!

    2. Vixe! A ORCRIM já está ameaçando a nova PGR, via comentários de O Antagonista? Perdeu mesmo a vergonha e o medo, hein ORCRIM?

    3. Minha opinião é só um esquerdista das antigas, fala, fala, porém têm vergonha de ser petista.
      Aplaudir JanoPT, é a única coisa que resta à esse velho petista.

    4. Minha opinião fala que Enganot foi um tremendo PGR, kkkkk, se ele tivesse processado Dilma e outros petistas, talvez aí sim, ele teria sido um tremendo PGR.

    5. Janot foi aquele que não pediu a prisão em flagrante da demente Dilma com o larápio Lula obstruindo a justiça naquela ligação do Bessias. Janot fez um “grande trabalho” de nivelamento criminal, por isso muitos incautos acham que PT, PMDB e outras facções são todas iguais.

  5. Que seja célere Dra. Dodge. Muito se cobra e se questiona da pouca participação das “mulheres” na vida nacional. Infelizmente, as que atingiram posição de maior destaque deixaram (Dilma) e deixam muito a desejar (Dra.Cármen Lucia), para ficarmos em dois exemplos recentíssimos. Ninguem suporta mais tanta enrolação e enganação.

    1. É por isso mesmo, que Raquel deve pensar um milhão de vezes antes de começar a querer aparecer mais que seu antecessor.
      Se liga Raquel, os exemplos das mulheres no poder, não estão ajudando essa tese, faça seu trabalho direito, a sra têm dezenas de políticos do pt para serem processados.

    1. Ei, “verdade verdadeira”! Não se separa com vírgula o sujeito do verbo, fio. Mas, como esses MAVs são fraquinhos!

    1. Minha opinião: Pronto. Já tardava a voz do analfabetismo funcional que ou não leu ou não entendeu o “Liquida-se o disse-me-disse que inferniza tanta gente.”, que era exatamenteo que Janot queria. Ficou claro agora? Espero não ter que voltar ao assunto. Valeu?