Dodge quer registros de entrada no Palácio do Planalto

No ofício em que pede ao STF para ouvir Michel Temer, Raquel Dodge também solicita o registro “de entrada de quaisquer das pessoas mencionadas” no Palácio do Planalto em 2017″.

Como mostramos no post anterior, as pessoas mencionadas são Celso Grecco, Ricardo Mesquita, Edgar Safdie, coronel João Baptista Lima Filho e José Yunes.

18 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Os encontros fora da agenda aconteceram e ou acontece no palácio do jaburu, quando o temer pediu 10 milhões para campanhas do pmdb ao Marcelo odebrecht foi a noite (o padilha tava presente).

  2. 23/03/2016, às 23:00hs, no porão do jaburu, o temer recebeu um convidado especial “fora da agenda” o assunto a ser discutido? Propina…o joesley resolveu gravar a prosa e a PF periciou as gravações e o laudo atestou que são áudios verdadeiros, aí fica fácil para a PGR pedir essas filmagens de entrada e saída do palácio do jaburu.

    1. É isso! Dodge apresenta servico mal feito de propósito. Pra enganar trouxas! A cada dia q passa, as táticas de Temer ficam mais parecidas com as dos presidentes petistas. Nao por acaso, Temer foi escolhido VP de Dilma!

  3. Tem que faz~e igual a Dirma quando era da casa civil, criar uma agenda paralela, será uma seria chamada de oficial ( e outra de sub-oficial? ) Mas a apresentada será a qui interessssssa. I eu nem sabia que podia faze duas agendas? Dirma de safou naquela ocasiao, vamo ispirá que Temer não tenha a mesma surte. Senão quem se phode é o brasileiro.

  4. O dona Dodge! Seu temei num tem rigistu. Ele num tem câmara. O general .Etchê falô que vai demorá tê. Tem que fazê listação, viu? Ninguém sabe quem entra e quem sai de lá, viu? Acho que a sinhara num vai achá nada lá, viu? É que o Temis acha que tem que mantê isso, viu?