Dodge veta celulares

Lauro Jardim informa que a turma de Raquel Dodge na PGR já começou a negociar delações premiadas, mas com precauções evidentes para nada vazar.

Os advogados têm de deixar os celulares do lado de fora das salas de reuniões.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 43 comentários
  1. Qual tipo de informação Dodge está tentando impedir de ser vazada: detalhes das delações ou acordos imorais?
    Ainda bem que muitos são os meios de vazar informações… não há necessidade de gravadores, celulares, câmeras… basta ouvidos e pessoas.

  2. Todo Apoio a Lava Jato (PF, MPF e Juízes Federais)!
    Espero que a PGR faça um trabalho TÉCNICO e isento de ideologia partidária. Doa a quem doer. Pagamos a conta, queremos respeito e eficiência implacável na defesa do Estado!CorrupçãoBASTA!

  3. O ministro da defesa propôs a instalação de parlatórios nos presídios, para que presos e advogados não possam ter contato direto. Por que será? Advogados são os profissionais mais éticos , dos quais ninguém desconfia. A oab gritou EPA! E agora a procuradora geral da república pede aos advogados que deixem seus celulares do lado de fora da sala. Que injustiça! O que será que o dojão do temer tem contra os advogados? Que desconfiança infundada é esta? EPA OPA!!!!!

  4. Existem tantos outros dispositivos de espionagem e para gravação de áudio e vídeo que são facilmente adquiridos pela internet, que deixar os celulares de fora nada resolve vazamentos.

    A preocupação da PGR é uma só:

    Não vazar nomes de ministros CORRUPTOS e PROPINEIROS do Supremo Tribunal Federal.

    Que as F O R Ç A S A R M A D A S prendam todos esses vagabundos.

  5. O celular fica do lado de fora né? Mas os ouvidos/olhos vão juntos né? É o que basta, quando interessa se aos advogados eles contam o que se passou. Não tem como esconder, a luz do sol é o melhor remédio contra o mofo. Tudo as claras já!

  6. A carência do Brasil é de arte de qualidade! O PT ama e venera a indústria cultural. Cultura de massas.
    Sobretudo a música atual ruim.
    O “algo mais” do PT na arte e na cultura:
    O PT detesta a cultura popular e a erudita ao mesmo tempo.
    O PT não é uma esquerda esclarecida. Nunca será.
    Bom, Yamandu Costa é música de grande qualidade. Não tem nada a ver com o PT, ok?
    Inclusive música pra poucos brasileiros (por ser complexa), ou seja:
    de “elite”. Assim como Machado de Assis, Villa-Lobos são arte de elite, sim.
    O mesmo Dostoievsky. Elite honrosa.
    Não se trata do lixo bem tragável de Q o PT gosta, venera, ama e adora, não.
    E, por outro lado, o bem centrado MBL [Mov. Brasil Livre] em
    seu papel empírico, em 2016 faz jus ao nome dessa sigla, certo?
    A diminuição do poder vigarista do PT com a saída de Dilma em 2016, — mesmo c/Lula solto hoje –, foi fortemente permitido devido ao MBL.
    Empírico, corajoso e pragmatista, o Arthur do “Mamãe Falei” ajudou bastante a desconstruir o discurso ideológico do PT através do método socrático. MBL e o Arthur lutam contra o lixaço do PETISMO.

  7. Tem que ficar esperta… Ninguém grava Gilmar , Toffoli , Levandowhisky ,…. Provavelmente eles tem um sistema antigrampo , normalmente” enfiado” em lugar seguro ; reparem que tem dado resultado .

    1. Vai ver o GM coloca o sistema na boca, por isso daquela bocarra. Já o Tóffoli, percebo que seu andar mudou de uns dias para cá, parece k-h-do… será que está “lá”? Já o Lewandowski, sumiu do noticiário… p q???

  8. Só tenho um recado para Dona Raquel: o Janot sai da PGR mas a PGR não sai do Janot. OBS: Não defendo nem um nem outro, mas só o fato de o Janot ter encarado de frente o PMDB, temos que reconhecer, sujeito de muita coragem. Merece respeito.

    1. Mas o Janot era coordenador geral da Lava Jato e apoiou com todas as forças de Curitiba tanto é que o Lula está acabado. A atuação do ex PGR estava mais concentrado naqueles casos com fôro privilegiado que tem o STF como guardião.

    2. Senhor Arcturium , PETISTA BURRO 3 em 1.
      ENCARAR SÓ PODE SER DE FRENTE.
      Ou o senhor já viu alguém encarar alguém com a BUNDA, hein ?????
      AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

  9. Dra. Dodge e a PGR precisam se atualizar mais sobre as novas tecnologias à disposição de investigadores, policiais, detetives particulares e arapongas diversos. Hoje em dia, aparelhos disfarçados de um aro de óculos ou um botão de camisa, por ex., podem filmar e gravar o que se quiser e com ótima qualidade.

    1. A tecnologia sempre existiu, a questão é o atrevimento. Não é fácil botar um gravador e entrar numa sala se não for “do ramo”. Isso exige treinamento, sangue frio, e em certos casos falta de moralidade mesmo. Nem preciso entrar em detalhes. Mesmo com toda a promiscuidade rondando o planalto e Brasília, ainda assim, isso é para poucos.

  10. À luz da sofreguidão com que ele noticiou a “delação” de Joesley Safadão sem checar o conteúdo, Antagonistas, e depois dela ter virado vexame monumental para o Janot, para ele e para quem nela acreditou, vocês não acham que Lauro Jardim deveria abster-se por uns tempos de fazer quaisquer comentários sobre delações, premiadas ou não? É só uma pergunta…

    1. Ô “de Lisboa”, sua retórica é sempre a mesma: desconstruir Janot. Devia ler meu comentário acima. Você tem que estar perto do povo para entender de fato o que o Brasil pensa do Janot. Ele não é santo, ninguém está esperando isso, mas que prestou um ótimo serviço ao país, mesmo por linhas tortas, não há dúvida. O brasileiro médio não quer condenar o Janot, quer ver corruptos na cadeia, sem exceção. Portanto, você deveria falar do trecho em que o seu presidente (quem provavelmente está te bancando aí em Portugal) deixa de ser republicano.

    2. Emílio, Eugênio e Arcturian: 1) A ladainha do Janot mal começou- Aguardem o que ainda vei ser revelado sobre o pilantra: 2) Se as mimhas perguntas ficam sem resposta é porque devem ser incômodas; 3) Não sei em que o residir em Lisboa me impede de comentar. Eu também quero ver corruptos na cadeia, mas segundo a lei, que é como tem que ser. E eu me banco. Adeus.

    3. Tem um monte aqui disfarçado, um monte de jornalista e gente da mídia esquerdalha tentando desinformar neste blog. Sei que não funciona pois quem vem aqui já está em outro nível, mas eu vou desmascarar um a um. Hoje eu peguei 2, o Leandro Karnal (Ghost Writer do Mainardi) e você. Falta pegar o PHA, o GGN, o RA, um monte… essa galera mais extremista querendo transformar o Brasil em um Comunistão.