Doria anula R$ 143 milhões em convênios de França

João Doria cancelou R$ 143 milhões em convênios assinados nos últimos dias de dezembro pelo então governador Márcio França, seu adversário na disputa em São Paulo, registra a Folha.

Mais de R$ 60 milhões eram destinados a cidades do litoral do estado, reduto eleitoral de França –R$ 47,7 milhões para São Vicente, cidade da qual o ex-governador foi prefeito.

O secretário de Desenvolvimento Regional de Doria, Marco Vinholi, afirmou que a atual gestão identificou um recorte político nos convênios. Segundo ele, alguns projetos poderão ser retomados depois da reavaliação.

 

O que o brasileiro quer de Jair Bolsonaro? Leia aqui

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 34 comentários
  1. Incrível como o JOHNNY DÓRIA não para de dar orgulho aos eleitores que votaram nele, mesmo com a má vontade da Imprensa Vermelha. Dinheiro Público é SAGRADO e tem que ser fiscalizado direitinho

  2. São Paulo, junto ao nordeste é o centro dos olhos petistas. Ali o PT se reergue rapidinho. Fiquem espertos paulistas, se deixarem o PT voltar aí, o país se fode novamente, expulsem esse lixo comun

  3. Nós paulistas temos que estar vigilantes. São Paulo tem muitos inimigos que querem ver essa bela terra ser destruída e Márcio Cuba foi só a última das tentativas utilizadas para alcançar esse o

    1. Dória é o maior inimigo que SP poderia ter. Pode ter certeza que muita sujeira irá emergir no decorrer do mandato.

    1. Errado! Nós – os verdadeiros paulistas – temos que lutar bravamente pela reconquista do nosso amado território! Nossos antepassados bandeirantes lutaram bravamente por essa terra e vamos defendê-la

  4. Verdade e que o dinheiro publico e tratado com muito pouco pudor,se não apertarmos as leis em relação a isto nunca progridiremos!!!!CRIME HEDIONDO COM FORCA PARA DESVIO DE VERBA PUBLICA!

  5. Márcio Cuba, do PSB, um partideco de coronéis de Pernambuco. O PSB vive dos defuntos Eduardo Campos e Miguel Arraes. Comunistas. E quem trouxe essa m.e.r.d.a para SP foi o Geraldo Alckmin

    1. Geraldo XUXU é um lesa pátria. Como é que se põe como governador de São Paulo um comunista que convive com corruptos, como este Márcio Cuba? Valem nada!!!

  6. São Vi”selva” continuará sendo o que sempre foi . . . sai prefeito, entra prefeito, sai governador, entra governador . . . fora da região de orla, uma cidade feia, suja e perigosa.

    1. Concordo quanto a ser perigosa, mas a segurança depende do governo do Estado, e o sem número de favelas também não favorecem.

    2. É porque você nunca passou pela Ponte Pênsil e pela praia do Gonzaguinha em noite de lua cheia, é uma linda vista.

  7. essa cria do alckmn só entrou no governo para roubar! dória ainda vai enconttar muita bandalheira do m.frança! ele aparelhou o porto de s.sebastião em conluio com valdemar costa neto! e tem mais.

  8. Ótimo, agora só falta Despetizar a TV -Cultura- petista. E por falar em TV-Cultura, por qual razão o Marco A. Villa foi expulso da bancada do JC e uma infinidade de petistas entraram??

    1. O filho de Elis Regina é comentarista no lugar de Villa, Pondé, e outra feras. O Jornal só tem imbecís, comentando.

    2. Jornal da TV Cultura já foi bom! M. A. Villa saiu porque incomodava os esquerdistas de plantão. Augusto Nunes não quis renovar seu contrato para o Roda Viva pelos mesmos motivos.

    3. Na mosca! E o governador poderia olhar também para prefeituras de grandes cidades cujos prefeitos são do mesmo partido.