Doria espera uma posição da China nas próximas 48 horas

Doria espera uma posição da China nas próximas 48 horas
Foto: Governo do Estado de São Paulo/via Alesp

João Doria disse há pouco esperar nas próximas 48 horas um retorno do governo da China em relação ao envio de insumos para fabricar mais doses da Coronavac.

Em São José dos Campos, onde acompanhou mais uma cerimônia de vacinação contra a Covid-19, o governador de São Paulo afirmou:

“Ao longo desta semana, não apenas ontem, temos dialogado com a embaixada da China, com o consulado da China e com o governo chinês, com o qual mantemos ótimas relações e sempre mantivemos, exatamente para termos a liberação dos novos insumos que o Instituto Butantan já encomendou ao laboratório chinês Sinovac e que estão prontos em Pequim para serem embarcados para São Paulo.”

Doria emendou:

“E temos boa expectativa. Esperamos que nas próximas 48 horas possamos ter uma posição do governo da China favoravelmente à liberação para a importação dos insumos da vacina do Butantan e espero que façam o mesmo também com a vacina da Fiocruz.”

Leia mais: Crusoé revela documentos de leniência que a holding JBS omitiu da Justiça. Há ainda novos detalhes de repasses feitos a ministros do atual governo e ao Instituto Lula.
Mais notícias
TOPO