Doria: Grande SP recua para fase laranja

Doria: Grande SP recua para fase laranja
Reprodução/Governo do Estado de São Paulo/YouTube

João Doria acaba de anunciar que a Grande São Paulo regrediu para a fase laranja.

Nessa fase, comércios não-essenciais funcionam em horário reduzido, por até oito horas, das 6h às 20h, e com até 40% da capacidade.

Bares, restaurantes e comércios, que já tinham funcionamento restringido pelo Plano SP, estão incluídos na medida que passará a valer a partir da próxima segunda-feira, dia 1º de março.

A fase laranja também passa a valer nas regiões de Campinas, Registro e Sorocaba.

Já as regiões de Marilia e Ribeirão Preto passam para a fase vermelha.

A região de Piracicaba volta para a fase amarela.

Em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, no começo da tarde desta sexta (26), o governador voltou a criticar Bolsonaro. Sem citar o nome do presidente, Doria o criticou por apostar na cloroquina e não comprar vacinas.

Doria também anunciou que a vacinação dos idosos de 80 a 84 anos foi antecipada para amanhã (27), em vez de 1º de março.

O governador destacou ainda o aniversário do primeiro caso confirmado de Covid-19 no Brasil, e a criação do centro de contigência para a doença.

Na quarta (24), Doria já havia anunciado toque de recolher em São Paulo, das 23h às 5h, valendo a partir de hoje (26) em todo o estado, até 14 de março.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO