'Duvido que vai sair', diz deputado sobre emendas do governo a quem votar pela Previdência

Há uma promessa do governo de liberar R$ 10 milhões em emendas a deputados que votarem favoravelmente à reforma da Previdência.

Como registramos ontem, alguns deputados chegaram a receber um documento com a lista de programas prioritários em ministérios para que eles indiquem prefeituras que receberam obras e outras ações.

Mas há deputados que duvidam do cumprimento dessa promessa:

“O governo sabe quem vai votar a favor [da reforma da Previdência]. É uma pauta negativa, que gera desgaste dos deputados. Se o governo quiser compensar esse desgaste, não tem problema nenhum. Mas duvido que as emendas vão sair. Não liberaram até hoje as impositivas direito, como o governo vai liberar as emendas em duas semanas?”

Comentários

  • gilberto -

    Nem deve sair mesmo. A liberacao deve atender prioridades da populacao.

  • Arlindo -

    Vai sair. Creio nisto. O problema no caso é que eles julgam tendo a si próprios como referência.

  • REINALDO -

    A liberação das emendas irá acontecer pq são obrigatórias e não caracterizam o toma lá dá cá, aqueles que duvidam estão se " fazendo de morto " pq não querem a reforma. Só teatro

Ler 14 comentários