‘É necessário que nós saibamos o que estaremos a demolir’

O deputado Evandro Gussi, pelo PV de São Paulo, ocupa a tribuna como advogado da Câmara.

“Não é de se estranhar que a imunidade formal dos parlamentares tenha caído em certa descrença”, ponderou o corregedor da Casa.

“No entanto, se estamos prestes a demolir tal instituto, é necessário que nós saibamos o que estaremos a demolir e quais efeitos colaterais dessa atitude surgirão.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

  1. Seria demolida primeiramente aquela áurea iluminada que o parlamentar ganha quando é eleito. Áurea essa que lava todos os pecados do distinto, desde assassinatos com moto-serra, até pedofilia.
    Os efeitos colaterais que vão surgir serão todos a favor do povo, ou alguém não se lembra da histórica frase: “O Bessias está te levando um papel aí, use caso precisar”.

  2. Ler mais 4 comentários
    1. Seria demolida primeiramente aquela áurea iluminada que o parlamentar ganha quando é eleito. Áurea essa que lava todos os pecados do distinto, desde assassinatos com moto-serra, até pedofilia.
      Os efeitos colaterais que vão surgir serão todos a favor do povo, ou alguém não se lembra da histórica frase: “O Bessias está te levando um papel aí, use caso precisar”.

    2. O PT não é esquerda esclarecida. Nunca será.
      A carência do Brasil é de arte de qualidade! A doutrina petista [petismo] ama e venera a indústria cultural. Cultura de massas.
      Sobretudo a música atual ruim.
      Che Guevara é ícone da esquerda. Ícone da industria cultural esquerdista. Cultura de massas. Com certeza Kitsch.
      O “algo mais” do PT na arte e na cultura: O petismo detesta a cultura popular e a erudita simultaneamente.
      Por exemplo, BACH é música de enorme qualidade. Não tem nada a ver com os petistas, ok?
      Inclusive é música para poucos brasileiros (por ser complexa), ou seja:
      de “elite”. Assim como Machado de Assis e Villa-Lobos são artes de elite, sim. O mesmo diga-se de Dostoyévky. Elite honrosa
      Não se trata do lixo bem tragável de Q petismo divulga, gosta, venera, não.
      E, por outro lado, o bem centrado MBL [Mov. Brasil Livre] em seu papel empírico em 2016 faz jus ao nome dessa sigla, ok?
      A diminuição do poder vigarista do PT com a saída de Dilma em 2016, — mesmo Lula solto –-, foi fortemente permitido devido ao MBL.
      Empírico, corajoso e pragmatista, o Arthur do “#MamaeFalei” ajudou bastante a desconstruir o discurso ideológico do PT através do método socrático.