"E os bancos? Quietos, só olhando para os números"

Diante da notícia de que o agro vai doar, inicialmente, R$ 5 milhões para o combate à Covid-19, o ex-deputado Darcísio Perondi (MDB) — que perdeu a vaga em Brasília com o retorno de Osmar Terra à Câmara — provocou os bancos.

“O capital privado precisa sair da toca e fazer doações pesadas. E os bancos? Quietos, só olhando paro os números. Vão se omitir de novo, como fizeram no impeachment de Dilma Rousseff, durante as reformas de Michel Temer? Em tempos de crise, só mandam consultores para saber as expectativas junto ao Congresso. Posições firmes? Nunca.”

O deputado Joaquim Passarinho (PSD) também comentou:

“Os bancos deveriam fazer o mesmo.”

Mais lidas
  1. Carluxo sem imunidade

  2. "Rodrigo Maia fica ligando para autoridades de Brasília para articular a derrubada do presidente Bolsonaro!"

  3. "Será que deveríamos ter deixado chegar a esse ponto?"

  4. "Covarde" e "traidor"

  5. Depois da vacina indiana, Bolsonaro aposta na vacina russa

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 40 comentários
TOPO