"É preciso ficar claro que a situação está se agravando"

A deputada federal por Roraima Shéridan Oliveira voltou a cobrar uma controle maior na fronteira entre Brasil e Venezuela, depois do agravamento da crise no fim de semana.

“É preciso organizar essa entrada. Não temos condições, não temos mais estrutura se a situação continuar do jeito que está. É uma medida emergencial.”

A parlamentar disse a O Antagonista que o governo de Michel Temer foi inconsequente ao deixar a crise se estender.

“É uma situação desesperadora. Há uma violência crescente. Os venezuelanos estão atravessando a fronteira arrastando a própria mala e, do lado de cá, estão vivendo nas ruas, sem ter o que comer. A cidade está um caos, é muito triste. Os saques estão ficando constantes e a população local acaba entrando em desespero, fica querendo por ordem.”

Shéridan fez questão de ponderar:

“Não somos contra os venezuelanos. É claro que entendemos que eles estão procurando refúgio e Roraima é a fronteira. Mas é preciso ficar claro que a situação está se agravando e essa é uma responsabilidade do governo federal, pois se trata de um problema político com outro país, onde as pessoas sofrem com um regime que persegue violentamente. Falta atitude.”

Comentários

  • Roraimenses, -

    Isso é uma invasão. Guerra 4*geração. Tudo armação da ONU ONG bolivarianos Petralhas e Tucanos para retalhatem o territorio da Amazônia Brasileira e entregarem a selvagens apátridas. O EB só assisindo

  • Rafael -

    Coloca tudo em ônibus e descarrega em Brasília....

  • Elson -

    E a ONU? Não é um órgão internacional? ......Só serve para dar "liminar"?

Ler 30 comentários