É preciso vetar o aumento para os ministros do STF

Diante da repercussão negativa do auto-aumento concedido pela maioria dos ministros do STF, alguns deles já estão sugerindo que os deputados chancelem um aumento menor do que os 16,3% aprovados no tribunal.

A informação é do Painel.

Eles têm é de vetar completamente.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. As forças armadas tem e que mostra que nesta Porã tem homem de respeito e acabarem com esta safadeza uma rouba muito.outros tiram dos cofres públicos na cara dura com aumentos bárbaros

Ler mais 30 comentários
  1. As forças armadas tem e que mostra que nesta Porã tem homem de respeito e acabarem com esta safadeza uma rouba muito.outros tiram dos cofres públicos na cara dura com aumentos bárbaros

  2. Pois bem na minha opinião se juízes que ganha 33 mil por mês, mais todo tipo de benefícios, estão insatisfeitos é só sair do serviço público e vir trabalhar na iniciativa privada.

  3. Todos os Brasileiros estão pagando a conta! Porquê não, eles também??? Continuam se achando acima de tudo e de todos! Isso precisa mudar neste PAÍS! Já passou da hora…cansada disso tudo!!!

  4. A impressão que dá é de que todos, Congresso e Judiciário, querem ver o circo pegar fogo. Certamente, quando faltar dinheiro pra tudo, não faltará para eles. Quero ver a revolta que isso vai causar.

  5. Impacto do reajuste é menor que devolução de R$ 1 bi à Petrobrás na Lava Jato, diz Lewandowski. Acho que ele aprendeu com a Lava-Jato e está cobrando uma comissão sobre o dinheiro parcialmente devolvi

  6. Foi levado pelo presidetento ao STF. Prof de TGE na USP. Isso é Lewandolero que votou pro PT no mesalao, pro Dirceu e absolveu todo mundo. O país da suprema ignorância!

  7. É so ver o C.V. do Lewandovantagem no wikipedia. Advogado em S.B.do Campo, amigo de D. Marisa e favorecido por ninguém menos que Orestes Quércia pelo 5o. constitucional para o TJ/SP.

  8. “A seriedade moral na vida pública é como a pornografia: difícil de definir, fácil de identificar quando se vê. Representa uma coerência entre intenção e ação, uma ética de responsabilidade política.”

  9. Vetar não basta. Esses calhordas que se autoconcederam aumento em pleno estado de crise e desemprego nacional, deveriam ser impichados coletivamente pelo Congresso. Chegamos ao caos.