E se Bolsonaro chamasse o Meirelles?

Henrique Meirelles, em sabatina da Veja, foi perguntado se toparia compor um eventual governo de Jair Bolsonaro.

“Não decido por hipótese”, respondeu.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 39 comentários
  1. Dois em 3 menores infratores não tem pai em casa. Podem procurar no google que tem várias matérias a respeito. Varella disse primeiro, nobre Gal. Mourão apenas repetiu a realidade existente.

  2. E aí, já fez a sua parte? Vai ficar fora dessa? Onde estão os votos que solicitamos para o MITO? Depois não adianta chorar. Vejam o que acontece na Venezuela. É isso que querem para seus filhos.

  3. ex ministro do PT! Nao tem chances nem para ser boy de repartição. Va gastar a fortuna “ganha” com a ajuda dos criminosos petistas e tente aproveitar o resto da vida longe de mentiras e crimes.

  4. Os eleitores dele são pouco convictos, mas ele, em si, é dispensável. Jair Bolsonaro não quer o apoio de políticos do alto escalão de partidos reconhecidamente fisiológicos.

  5. Não precisa decidir agora, mas pode colaborar já, desistindo da candidatura e apoiando Bolsonaro. O BRASIL QUE PRESTA agradece a todas as colaborações, inclusive de Alvaro Dias e Amoêdo.

    1. Excelente. Ele, Amoedo e Álvaro seriam ótimos para ocuparem Ministérios estratégicos…Evidente que não dá para governar apenas com militares.

    1. Você tem todo o direito de ter suas ressalvas quanto a Amoêdo, mas colocá-lo no mesmo patamar que Ciro, Haddad, etc. é desonestidade ou preguiça intelectual.

  6. Ao contrário da maioria dos candidatos, o Meirelles é bom no que ele faz! Ele trabalha (e bem) para o MERCADO!…Não trabalha pro povo. Os subprodutos (bons ou ruins) é que sobrariam pros pobres..

  7. Se fosse uma coisa bem transitória pra fazer uma transição…. mas todo cuidado é pouco. Meirelles teria que ser vigiado com lupa tendo em vista seu tríplice pecado mortal: PSDB PT PMDB.