Eduardo Cunha na campanha da filha

Danielle Dytz da Cunha, filha de Eduardo Cunha, fez questão de citar o pai na propaganda eleitoral veiculada na TV.

Em seus poucos segundos no horário eleitoral, Danielle — com o mesmo número de campanha usado pelo pai em eleições anteriores — destacou que Eduardo Cunha conduziu o processo de impeachment de Dilma Rousseff, mas não falou de sua prisão.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Apostam na ignorância e na venalidade de grande parte do nosso povo, razão do atrevimento, da cara de pau dos bandidos não se esconderem mais. Dirceu dá entrevista, Dilma é candidata, por que não eu?

Ler mais 11 comentários
  1. Apostam na ignorância e na venalidade de grande parte do nosso povo, razão do atrevimento, da cara de pau dos bandidos não se esconderem mais. Dirceu dá entrevista, Dilma é candidata, por que não eu?

  2. No Brasil as cadeiras da Câmara Federal e do Senado são iguais a títulos de Clube de Recreio, iguais a herança, passados de pai pra filho, desde 1889 (Fundação da Fazenda Brasil chamada República).

  3. Verdade seja dita: ao repetidamente barrar os nefastos “conselhos populares”, nos salvou. Se agiu em proveito próprio ou não, é assunto já endereçado pelo Judiciário. O que fica é que nos salvou, sim.

    1. Realmente. E se comparar com Lula e Dilma (ou qualquer outro petista) Cunha é trombadinha batedor de carteira 😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂