ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Belém

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Belém

A corrida eleitoral em Belém revela a insistência da família Barbalho em continuar no poder.

O MDB lançou o presidente estadual do partido, o deputado federal José Priante, que é primo do senador Jader Barbalho. É a segunda vez que ele tentará ser prefeito. Em outras duas eleições, Priante candidatou-se ao governo.

A coligação do MDB envolve PTB, PSL, Podemos, PL, Democracia Cristã e PSC, do senador Zequinha Marinho. Priante é o candidato do governador, Helder Barbalho, alvo da Polícia Federal hoje pela terceira vez. O próprio Priante já foi alvo de investigações no âmbito do STF.

O deputado federal Edmilson Rodrigues (PSOL) tentará voltar à Prefeitura. Ele já comandou a capital paraense por dois mandatos consecutivos quando era filiado ao PT, partido que agora indicou o vice na chapa: o ex-deputado estadual Edilson Moura.

Rodrigues tem pontuado bem em pesquisas e conta com o apoio de uma ampla aliança de esquerda, que inclui ainda Rede, PC do B, PDT e UP.

O deputado federal Cássio Andrade (PSB) também está na disputa, coligado com Solidariedade, Avante e Pros. Ele já foi vereador de Belém e deputado estadual.

Andrade queria contar com o apoio do atual prefeito, Zenaldo Coutinho (PSDB), que está concluindo seu segundo mandato. Mas o tucano acabou decidindo apoiar o deputado estadual Thiago Araújo, do Cidadania, que também conseguiu se aliar ao DEM e ao PV.

Em voo solo, outro deputado federal na disputa é Vavá Martins, do Republicanos. Ele é pastor da Igreja Universal.

O também deputado estadual e ex-vereador Gustavo Sefer (PSD) está na disputa, tendo o PP na aliança.

Também estão colocados para a escolha dos eleitores o bolsonarista ex-delegado da Polícia Federal Eguchi (Patriota), o ex-senador Mário Couto, pelo PRTB de Hamilton Mourão, e o pastor Guilherme Lessa (PTC).

Leia também:

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Recife

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de São Paulo

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela eleição suplementar ao Senado em Mato Grosso

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Fortaleza

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de João Pessoa

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de São Luís

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Belo Horizonte

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura do Rio de Janeiro

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Maceió

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Aracaju

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Goiânia

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Macapá

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Boa Vista

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Manaus

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Porto Alegre

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Curitiba

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Florianópolis

ELEIÇÕES 2020: a corrida pela Prefeitura de Teresina

Leia mais: O Centrão quer dominar sua 'casa'. Entenda como
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 2 comentários
TOPO