Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Eleições "não serão ameaçadas por ilações sem provas", diz PSDB

Bruno Araújo, Arthur Virgílio, Eduardo Leite e João Doria divulgaram uma nota nesta segunda-feira contra as tentativas de descredibilizar o processo eleitoral
Eleições “não serão ameaçadas por ilações sem provas”, diz PSDB
Foto: Divulgação

O PSDB condenou nesta segunda-feira (9) as tentativas de descredibilizar o sistema eleitoral brasileiro. Sem citar o nome de Jair Bolsonaro, o partido divulgou um comunicado assinado por Bruno Araújo, Arthur Virgílio, Eduardo Leite e João Doria.

“As eleições brasileiras têm sido por décadas exemplo para o mundo do vigor da nossa democracia. […] Em 2022 não serão ameaçadas por ilações sem provas ou declarações grosseiras e irresponsáveis de quem quer que seja.”

Leia a nota completa:

“Em um momento de seguidas tentativas de intimidação e de se lançar desconfianças contra o modelo eleitoral brasileiro, reiteramos nossa crença nas instituições, no sistema de votação de urnas eletrônicas e na apuração conduzida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

As eleições brasileiras têm sido por décadas exemplo para o mundo do vigor da nossa democracia – elegendo representantes das mais diversas correntes ideológicas. Em 2022 não serão ameaçadas por ilações sem provas ou declarações grosseiras e irresponsáveis de quem quer que seja.

Bruno Araújo – presidente nacional do PSDB

Arthur Virgílio – ex-ministro, ex-senador, ex-prefeito de Manaus

Eduardo Leite – governador do Rio Grande do Sul

João Doria – governador de São Paulo

Tasso Jereissati – senador, ex-governador do Ceará”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO