Em carta, presidente da Itália agradece a Temer por extradição

Sergio Mattarella, o presidente da Itália, enviou a Michel Temer uma carta agradecendo ao brasileiro pelo “gesto” de extraditar o terrorista Cesare Battisti.

Para Mattarella, a determinação do governo brasileiro “contribui para fazer justiça às vítimas dos delitos pelos quais (…) Battisti foi condenado pelo Estado italiano”.

“O gesto de Vossa Excelência constitui o significativo testemunho da antiga e sólida amizade entre Brasil e Itália e revela a sensibilidade para com uma situação complexa e delicada, que suscita sentimentos de intensa participação na opinião pública do nosso país”, escreveu o presidente.

Comentários

  • Presidente-XVII -

    Esse não é um esforço do Temer, Dilma, Lula, ou seja, dos presidentes e do vice dos últimos 8 anos. É uma decisão tomada por força das circunstâncias. Circunstâncias = vitória do Bolsonaro.

  • Nilson -

    Este é o país que queremos, aplicar a punição a quem pratica crimes, só mesmo um corrupto que era o Presidente na época para dar abrigo a um terrorista em território brasileiro. Já vai tarde.

  • Eduardo -

    Só faltou combinar com o Battisti....

Ler 31 comentários