Em depoimento de 2014, Chiclete faz referência a “Valtinho”

Como O Antagonista revelou, Thiago Eliezer Martins Santos também está sendo investigado pelo crime de roubo, mediante fraude bancária, por meio da invasão de celulares de um correntista em 2012.

Quando for ouvido no dia 16 de dezembro, a Polícia Federal deveria questioná-lo sobre a referência que fez a um tal “Valtinho”, no depoimento que prestou à Polícia Civil em 2014.

Na ocasião, Chiclete alegou que os R$ 5 mil que saíram da conta de Antônio Valmor Laurindo – que denunciou o caso -, seriam provenientes “de uma negociação de um som automotivo e um notebook, marca Apple”.

Ele diz que vendeu o som e o computador para um tal “Valtinho”, que conheceu na “Feira dos Importados” e seria “uma boa pessoa para fazer negócio”, segundo recomendação de outro colega.

Seria Valtinho o também estelionatário Walter Delgatti Neto, o Vermelho? É só uma pergunta.

A insurreição contra a tentativa no STF de parar a Lava Jato. Mais aqui

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. ROGÉRIO disse:

    RSBvIFZBR0EgQlVORE8gZG8gYmVp529sYSBkYW5kbyBjculkaXRvIHBhcmEgbyB0YWwgZGUgdmVyZGV2YWxkby4gIEZJTEhPIERBIFBVIFRBLg==

Ler comentários
  1. Petrus disse:

    TuNvIGFkaWFudGEgZm9y52FyIGEgYmFycmEsIEFudGFnb25pc3RhcyEgTyDNbmNsaXRvIEdpbG1hdSBu428gcXVlciBzYWJlcjogdmFpIEFOVUxBUiB0dWRvLCBjb20gYmFzZSBuYXMgZ3JhdmHn9WVzIHJvdWJhZGFzLCBwb2lzIGVzc2Eg6SBhIG1lbGhvciBkZWZlc2EgZGUgTHVsYXLhcGlvIGUgc3VhIE9yY3JpbSEgUG9udG8gZmluYWwh