Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Em grupos da Prevent Senior, Zanotto tentava mostrar proximidade com o governo federal

Atuante pelo Whatsapp, virologista compartilhou imagem da reunião que ele teve com Jair Bolsonaro e o deputado federal Osmar Terra
Em grupos da Prevent Senior, Zanotto tentava mostrar proximidade com o governo federal
Foto: Leonor Calasans/IEA-USP/Divulgação

Nos grupos de WhatsApp de médicos da Prevent Senior, o virologista Paolo Zanotto, que integrou o “Ministério da Saúde paralelo”, mandava mensagens mostrando proximidade com integrantes do governo federal.

O arquivo faz parte do dossiê de médicos sobre a Prevent Senior, que foi entregue aos integrantes da CPI da Covid. Agora, os senadores querem saber se, de alguma maneira, houve anuência do governo federal nas pesquisas com pacientes do plano de saúde.

A suspeita da CPI é que Jair Bolsonaro sabia e tenha estimulado os estudos na Prevent Senior. Além disso, como mostramos, a CPI investiga se médicos do plano de saúde tenham sido coagidos a votar no presidente da República.

Em setembro do ano passado, ele compartilhou nos grupos da Prevent Senior uma imagem da reunião que ele teve com Jair Bolsonaro e o deputado federal e ex-ministro da Cidadania Osmar Terra, na qual ele defendia a instituição de um “gabinete das sombras” para aconselhamento do governo ao longo da pandemia de Covid.

Ao lado da imagem, Zanotto escreveu: “Hoje, durante a tarde no Palácio do Planalto. Conversando sobre como lidar com a pandemia”.

Em outra mensagem nos grupos de WhatsApp, escrita em abril, Zanotto questiona uma postagem de outro médico da Prevent Senior sobre a saída do então ministro Sergio Morto do Ministério da Justiça. Ao ler uma mensagem de um outro colega com a matéria de O Antagonista sobre o assunto, Zanotto escreveu:

“Fake. Hoje passei a manhã trabalhando online com o MPF e a PGR. Moro rules!”

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO