Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Em meio a racha interno, Patriota se prepara para receber Bolsonaro

Em meio a racha interno, Patriota se prepara para receber Bolsonaro
Foto: Boletim da Liberdade

Na bolsa de apostas nos bastidores de Brasília, o Patriota voltou a ser o partido mais cotado para receber Jair Bolsonaro e seu grupo político.

O Antagonista apurou que, de ontem para hoje, o presidente da legenda, Adilson Barroso, intensificou as articulações para trocar na marra integrantes do diretório nacional e, assim, tentar uma maioria que possa aceitar a filiação do presidente da República.

Em fevereiro, Barroso deu uma entrevista a este site sobre o assunto. Na época, mostramos como o partido estava rachado em relação o tema. Barroso e o vice-presidente, Ovasco Resende — este contrário à filiação de Bolsonaro — , são inimigos.

As mudanças deverão ser efetivadas na próxima segunda-feira, a contragosto do grupo de Ovasco, que acusa Barroso de uma série de irregularidades e já ameaça judicializar o imbróglio interno.

Principal entusiasta da filiação de Bolsonaro, Barroso está conduzindo as trocas no comando da sigla, incluindo na linha de frente, por exemplo, a prefeita bolsonarista de Bauru (SP), Suéllen Rosim.

No fim de 2017, Bolsonaro chegou a assinar a ficha de filiação ao Patriota, antes de acabar selando uma aliança com o PSL, partido pelo qual foi eleito presidente da República no ano seguinte.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO