Em Minas, hospital de campanha será fechado sem ter funcionado

Em Minas, hospital de campanha será fechado sem ter funcionado
Uberlandia_MG, 16 de Julho de 2020 O Governador de Minas Gerais Romeu Zema faz a entrega de 8 Ventiladores e 1 Cardioversor para o Municipio de Uberlandia Foto: Pedro Gontijo / Imprensa MG

O hospital de campanha construído pelo governo de Minas Gerais vai ser desmontado nesta semana sem nunca ter atendido um paciente com Covid-19.

A instalação do hospital custou R$ 2 milhões aos cofres públicos.

O anúncio foi feito há pouco pelo secretário-geral do estado, Mateus Simões.

“Desde o mês passado, vem sendo discutido sobre qual seria o momento em que a gente poderia fazer a desmontagem [do hospital de campanha]. A gente aguardava os índices de segurança de ocupação hospitalar da Região Metropolitana, os números estão estáveis dentro das duas últimas semanas e, portanto, nesta semana, começa a desmontar a estrutura física.”

Leia mais: Sócios no desastre: a responsabilidade dos governadores na pandemia. Clique aqui para ler mais
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 41 comentários
TOPO