Em sigilo, Alcolumbre tenta efetivar afilhados sem concurso no Senado

Telegram

Dois servidores do alto escalão do Senado tentam ser efetivados no quadro funcional da Casa sem concurso público, informa o site Metrópoles.

Funcionários comissionados de Davi Alcolumbre desde 2015, Paulo Augusto de Araújo Boudens – atual chefe de gabinete da Presidência do Senado – e o secretário parlamentar Luiz Carlos Kreutz podem ser beneficiados por processo que corre em sigilo no Congresso Nacional.

O “presidente do Amapá” acha que pode tudo?

Comentários

  • ROSÂNGELA -

    Quantas escolhas equivocadas...

  • Mario -

    E somente o Renan era o bandido da historia, né ?

  • egidio -

    Olho na picaretagem !

Ler 205 comentários