Em SP, total de mortes já é quase igual ao número de nascimentos

Em SP, total de mortes já é quase igual ao número de nascimentos
Foto: Prefeitura de São Paulo/Divulgação

A Covid fez diminuir drasticamente a diferença entre os números de nascimentos e mortes registrados na cidade de São Paulo no último ano, informa o Agora São Paulo.

Dados obtidos pelo jornal com a Arpen (Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo) mostram que, em março deste ano, houve 12.779 certidões de óbito registradas nos cartórios da capital paulista.

Esse número corresponde a 94,9% do número de certidões de nascimento emitidas no mesmo período (13.464).

Como comparação, em março de 2020, no início da pandemia, o número de registros de morte representava 55,6% do total de registros de nascimento.

No ano anterior à pandemia (de março de 2019 a fevereiro de 2020), as mortes foram equivalentes a 46,4% dos nascidos vivos na capital paulista, de acordo com os registros da Arpen-SP.

Leia mais: O furo de reportagem de O Antagonista sobre a mansão comprada por Flávio Bolsonaro em Brasília é dissecado na edição desta semana da Crusoé
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO