EMBAIXADOR QUE CAIU DO 11º ANDAR ERA SÓCIO DE OPERADOR DO FGTS

Como O Antagonista mostrou nos posts anteriores, a OAS levantou recursos para a construção do Solaris, do Guarujá, junto ao FGTS com ajuda do petista André Luiz de Souza, ligado a Lula e à CUT.

André Luiz de Souza era sócio do embaixador aposentado Sebastião do Rego Barros Netto na Ask Capital, citada na Lava Jato.

Rego Barros morreu em novembro passado em circunstâncias que estão sendo investigadas. Ele caiu do 11º andar do prédio onde morava em Copacabana, segundo familiares, ao tentar pegar um livro na estante.

Veja mais em:

GOLPE NO FGTS BANCOU SOLARIS

Esquema movimentou R$ 3 bilhões

“ANDRÉ” É O ELO DA TRIPLO X COM O PETROLÃO