Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Empresário custeou propaganda eleitoral de Bolsonaro sem declarar à Justiça, mostra PF

Otávio Fakhoury confirma a compra de material para a campanha do presidente em 2018, mas nega que tenha sido doação oficial
Empresário custeou propaganda eleitoral de Bolsonaro sem declarar à Justiça, mostra PF
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Parte do material da campanha de 2018 de Jair Bolsonaro foi pago por um empresário de São Paulo e não declarado à Justiça Eleitoral.

A informação foi obtida pela Polícia Federal durante investigações sobre atos antidemocráticos que pediram o fechamento do STF e do Legislativo.

De acordo com a PF, foram encontradas notas fiscais que totalizam R$ 53,3 mil sobre a compra de 560 mil itens relacionados a propagandas eleitorais pagos pelo empresário Otávio Fakhoury.

O empresário disse que não informou a campanha de Bolsonaro sobre o material por não se tratar de uma doação de campanha.

Em nota, a advogada de Bolsonaro, Karina Kufa, disse que “o presidente da República e a campanha jamais tiveram essa informação”.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO