Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Empresário recebido por Pazuello foi condenado por fraude

Empresa de Tomaselli pretendia intermediar a venda de 30 milhões de doses da Coronavac
Empresário recebido por Pazuello foi condenado por fraude
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O então ministro Eduardo Pazuello, como registramos, prometeu a um grupo de intermediadores a compra de 30 milhões de doses da Coronavac. Os imunizantes foram oferecidos pela empresa World Brands, que está registrada em nome do empresário Jaime José Tomaselli. 

Reportagem do Estadão mostra que Tomaselli foi condenado pela Justiça Federal de Itajaí, em 2014, por participar de um conluio que fraudou documentos de importação de produtos

De acordo com a decisão do juiz Marcelo Micheloti, notas fiscais de importação de “carrinhos de controle remoto, embalagens em cartela de papel com plástico e lâmpadas fluorescentes” eram falsamente emitidas em nome de uma das empresas de Jaime. A operação tinha por objetivo “ocultar a real adquirente e ludibriar a fiscalização estatal”.

Mais notícias
TOPO