Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Empresários dizem se sentir 'traídos' por Bolsonaro

Empresários dizem se sentir traídos por Bolsonaro
Foto: Edu Andrade/Fatopress/Folhapress

Empresários simpáticos ao governo Jair Bolsonaro ou à agenda econômica da atual gestão federal indicaram que se sentiram “traídos” com as acusações de Sergio Moro ao presidente, registra O Globo.

“Para mim acabou qualquer tipo de confiança ou apoio que a gente poderia dar a este governo. Me sinto traído, Bolsonaro é um traidor da pátria”, afirmou Gabriel Kanner, presidente do Grupo Brasil 200, que reúne empresários que defendem a agenda econômica liberal do governo.

“A confiança de todos foi traída, não apenas pela saída do Sergio Moro, mas as acusações feitas são graves e mostram outra faceta do presidente”, acrescentou Kanner, que disse também temer a saída de Paulo Guedes.

O presidente da Riachuelo, Flávio Rocha, que apoiou Bolsonaro na eleição, afirmou que o país todo perde com a saída de Moro, um “patrimônio nacional”.

E o superbolsonarista Luciano Hang também divulgou mensagem de apoio ao agora ex-ministro da Justiça: “Obrigado por tudo que você fez pelo nosso país. Gerações e gerações lembrarão do seu legado. O povo brasileiro estará sempre ao seu lado. Estamos juntos”.

Leia também: MORO FORA DO GOVERNO: NÃO ERA FAKE NEWS; É JORNALISMO
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO