Entre o desapego e o masoquismo

Eduardo Paes está passando por um processo inusitado para deixar a prefeitura do Rio, segundo o próprio disse a O Globo:

“Estou fazendo autoanálise, faço uns sambinhas, junto os amigos. Estou passando por todos os processos de desapego. Adoro ser prefeito. Até quando me xingam eu gosto. Deve ser um lado masoquista que Freud deve explicar.”

Faça o primeiro comentário