Equipe fatiada

“A possibilidade de aproveitar a proposta de reforma da Previdência que já tramita no Congresso para aprovar ao menos a criação de uma idade mínima de aposentadoria divide opiniões dentro da equipe de transição”, diz o Estadão.

É a própria equipe de Jair Bolsonaro que está fatiada, portanto.

A proposta de Michel Temer tem um monte de buracos, mas é a única que pode ser aprovada no primeiro semestre do ano que vem.

Uma apuração minuciosa feita em Brasília revela as principais decisões de Paulo Guedes, o posto Ipiranga do futuro presidente, e sua equipe. Leia AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 42 comentários
    1. A reforma não é do temer, é dos bancos, que pagam jabaculê para a imprensa amestrada publicar seus press releases. A reforma nunca foi plataforma de campanha do Bolsonaro. Não votamos nele para i

  1. KKK a tropa do capitão está querendo reinventar a roda, pega o que já está pronto, tapa os buracos e manda bala. Adiar as reformas ou fazê-las aos pedaços vai acabar mal se é que vai acontecer

  2. Passaram 2 anos dizendo que a reforma do Temer era um rascunho, uma porcaria… e agora quando se viu que a reforma do Guedes foi pro vinagre, querem aprovar a que está no congresso. Ridiculo.

  3. Da proposta da reforma da previdência, nada que vem do Temer presta. Tem de fazer uma reforma profunda e estruturada, mesmo que venha em etapas pré-estabelecidas e não imposta pelo ‘mercado’.

  4. O tal posto Ipiranga se revela mais do mesmo caminho de Levy, de Meirelles: recessão, desemprego, incentivos às elites, impostos diretos e indiretos, quebradeira de empresas, concentração de renda

  5. Quando o povo se der conta de que Bolsonaro o trai jogando a conta para as costas de quem mais trabalha, com a menor renda, com os maiores custos e impostos, a esquerda vai triunfar e voltar.

    1. Ele ficará devendo muito se ñ abrir as caixas pretas,conforme prometeu.Uma delas q tinham q ser abertas é a da Previdência,. FHC e Lula fizeram reformas prometendo economia e hj TEMOS ROMBO.

    2. Isso mesmo, é um perigo… não votamos no 17 para isso…. queremos enfrentamento da criminalidade, fim do “nós e eles”, volta aos bons costumes, etc.

  6. Na última reforma que nos empurrara, em 2003, Lula prometia que a economia para os próximos 20 anos seria de 60 bilhões. Por que hoje falam e déficit de 30 bi? Pra onde foi esse dinheiro?

  7. Bolsonaro, não aceite o beijo da morte representado pela reforma da previdência que o Temer lhe enviou. Temer quer que seu governo se estrepe já no começo. Ataquem o problema da segurança e costu

  8. Sujeito na equipe que ainda tem dúvidas de que a reforma do Temer é a única possível, é louco. Com COAF, com brigas internas que serao permanentes, tem que aprovar o possivel Já.

  9. Jair Bolsonaro sempre disse que essa reforma do Temer é difícil de passar, principalmente com o atual congresso. E não é ele que tem que perder uma votação recém saído, vitorioso, das urnas.

  10. A reforma do governo é tão necessária, mas tão necessária, que o futuro do governo Bolsonaro, toda a sua equipe, é sombrio sem esta reforma do Temer, com alterações pequenas. É a única.

    1. Que idiotice! E’ tao evidente que è o desequilibrio entre o setor pricvado e aquele publico que so um cretino nao ve. Alem do mais, brasileiro hoje vive mais, entrao tem que trabalhoar mais.

    2. exato! Onde a PF mexe, acha ratazanas. DUVUDO que a previdência também não esteja sendo saqueada. É muito SUSPEITO que queiram nos empurrar uma reforma goela abaixo sem auditoria.

    3. O congresso tem que dar o exemplo primeiro, mexendo primeiro na aposentadoria dos parlamentares e cortando benefícios pagos pelo povo como o atendimento médico gratuito no HOSPITAL SÍRIO LIBANÊS.

  11. Se era pra fatiar que comece pelos 3 poderes. Pra Bolsonaro acabou. Esse governo já era. Hipocrita, desonesto e explorador. Esse governo e exatamente idêntico a todos os outros. LIXO.

  12. Coitado de O Antagonista. Entrou de cabeça na maracutaia do Janot e do Joesley Safadão que atrasou a reforma da Previdência, quebrou a cara e agora fica tentando posar de interessado na coisa…