Ernesto Araújo diz ser 'difícil' obter excedente de vacina dos EUA

Ernesto Araújo diz ser difícil obter excedente de vacina dos EUA
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Em sua audiência na Câmara nesta quarta (24), Ernesto Araújo disse ser “difícil” o Brasil obter o aval dos EUA para a compra de vacinas contra a Covid estocadas pelos americanos e sem previsão de uso.

Segundo o chanceler, o Brasil está negociando para receber parte desse excedente, mas ele é “extremamente limitado, porque está sujeito à regulação” americana. A vacina estocada, da AstraZeneca, ainda não teve autorização de uso nos EUA.

LEIA MAIS na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO