Escritório do Crime

Telegram

Os dois principais alvos da operação Os Intocáveis foram homenageados na Alerj por indicação de Flávio Bolsonaro.

Trata-se do ex-capitão do Bope Adriano Magalhães da Nóbrega e do major da PM Ronald Paulo Alves Pereira.

Os dois milicianos são suspeitos de integrar o Escritório do Crime, diz O Globo.

Comentários

  • Luíza -

    O castelo dos Al bozone tá desmoronando. E agora, bandido bom é bandido morto?

  • Jailson -

    O cerco está se fechando. Em breve a "casa vai cair" kkkkk

  • Sueli -

    Que vergonha, antagonistas. Dá todas as informações como qdo foi a homenagem e o porquê. Parem de querer manipular os eleitores de forma tão leviana. Precisamos de uma imprensa melhor.

Ler 269 comentários