ACESSE

Esperidião Amin: "Renan é, naturalmente, o favorito"

Telegram

Esperidião Amin, que está de volta ao Senado, reafirmou a O Antagonista que se apresentou ao partido, o PP, para ser candidato à presidência da Casa.

Porém, ele reconhece a dificuldade em formar um bloco de apoio.

“Já coloquei para os meus pares que estou na parada. Tenho o desejo de ser presidente, acho que estou habilitado e posso ajudar o país. Mas o meu maior adversário é a fragmentação partidária. Somos [o PP] uma bancada de seis e não posso arrastar cinco companheiros para uma aventura. Temos 21 partidos hoje no Senado.”

Amin acrescentou:

“Meu segundo adversário é o grande número de estreantes. Há uma dificuldade até de contato com eles antes do dia da eleição.”

Na opinião do senador, a candidatura de Major Olímpio, do PSL, amplia ainda mais a fragmentação, o que, para ele, favorece Renan Calheiros.

“Renan é, naturalmente, o favorito. Assim como o Rodrigo Maia é o favorito na Câmara. Ambos pelas mesmas razões: pela fragmentação partidária e pelo expressivo número de novatos.”

2019 não será um ano para amadores. Conte com a ajuda de especialistas para chegar são e salvo a 2020 AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 101 comentários