"Essa obrigação mostra-se mais do que inadequada"

Como dissemos, vai chover de proposta na intenção de rever o trecho inserido no pacote anticrime — e sancionado por Jair Bolsonaro — que permitiu a soltura de André do Rap.

O senador Alvaro Dias, líder do Podemos, também apresentou projeto para revogar a necessidade de o juiz revisar a decretação da prisão preventiva a cada 90 dias.

“Havendo eventual alteração da situação ensejadora da prisão preventiva, de forma que ela não mais se justifique, cabe a defesa requerer a devida revisão. A previsão de que os juízes tenham que rever decisões já tomadas a cada noventa dias sem que haja qualquer fato ou circunstância nova não é adequada para uma situação em que os juízos, tanto originários quanto recursais, encontram-se extremamente congestionados de processos”, diz Dias, em trecho da justificativa.

“Essa obrigação mostra-se mais do que inadequada, sendo inteiramente nociva, em uma situação na qual se pode entender que a falta da revisão torna a prisão ilegal e poderia conduzir à soltura inclusive de elementos que representam claro e grave risco à ordem pública”, acrescenta.

Leia mais: Combo Crusoé e O Antagonista+: comece a ler por apenas R$ 1,90
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 18 comentários
TOPO