Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

‘Está chegando a hora de um novo grito de independência’, diz Bolsonaro

‘Está chegando a hora de um novo grito de independência’, diz Bolsonaro
Foto: Alan Santos/PR

Em discurso realizado em Feira de Santana, Jair Bolsonaro disse há pouco que está chegando a hora de o Brasil dar um “novo grito de independência”.

“Tenho certeza aí, o pobre que estava falando que a nossa bandeira não será vermelha. Jamais será vermelha, pode ter certeza disso. E dizer mais: está chegando a hora, pessoal. Está chegando a hora de o Brasil dar um novo grito de independência. Que não podemos admitir alguns pseudogovernadores querer impor a ditadura no meio de vocês. Usando do vírus para subjugá-los”, disse o Bolsonaro, em novas críticas às medidas de restrição impostas por governadores para conter a pandemia.

“Nós tratamos a questão do vírus com muita responsabilidade. Mas sempre disse que além do vírus, tínhamos que nos preocupar com a questão do desemprego. Não foi o governo federal que obrigou vocês a ficarem em casa. Não foi o governo federal que fechou o comércio. Não foi o governo federal que destruiu milhões de empregos. Pode ter certeza: este suplício está chegando ao fim. Brevemente, voltaremos à normalidade, com o apoio de todos”, afirmou o presidente, durante solenidade de entrega de 22 quilômetros da BR-101.

Bolsonaro concluiu:

“Sempre estaremos juntos, em defesa da nossa pátria e da nossa liberdade.”

Não foi o governo federal que adotou um monte de medidas que deveria adotar. Há uma confissão de culpa aí, CPI da Covid.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO