ACESSE

"Está claro que o Centrão está usando os liberais, os independentes"

Telegram

Miro Teixeira, ex-deputado constituinte, diz que o Brasil vive o que ele chama de “neopresidencialismo”.

“Ou do que quiserem chamar, mas não é parlamentarismo nem presidencialismo. É uma coisa híbrida entre os dois”, emenda.

Essa “confusão”, acrescenta ele — que não se elegeu senador pelo Rio nas últimas eleições –, favorece a atuação do que se convencionou chamar de Centrão.

“É algo que tem que ser combatido pela raiz. Eu cheguei a sugerir uma nova Assembleia Nacional Constituinte para discutir a reorganização dos Poderes”, lembra.

Em conversa com O Antagonista, Miro afirmou que o Centrão, antes claramente fisiológico, virou hoje “um paliteiro”, abarcando até mesmo liberais bem-intencionados.

Como a polarização se intensificou — entre PSL e esquerda –, o Centrão cresceu e seu conceito ficou confuso.

“Está claro que o Centrão está usando os liberais, os independentes. Mas isso vai se separar em um certo momento, mais para frente. Por enquanto, há uma mistura de deputados que não são governo nem oposição e desejariam ter uma relação republicana com o Planalto e os que ainda querem a política do ‘é dando que se recebe’.”

Comentários

  • Massaaki -

    Traduzindo: ou todos (todos mesmo! ), forças políticas da esquerda à direita passando pelo Centrão, ou novo centro ou nova direita se sentam e chegam a um acordo ou será o caos e colapso do País

  • João -

    Centrão = os que defendem regalias, benefícios, privilégios, tungas, a supremacia das castas e querem que o povo se dane!

  • Rosa -

    O que está bem claro para todos brasileiros é que o Congresso de repente resolveu de fortalecer. Tudo isso parece ser só para combater um governo forte?

Ler 39 comentários