Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Estados não podem obrigar escolas a reduzir mensalidade, decide STF

Estados não podem obrigar escolas a reduzir mensalidade, decide STF
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Por 7 votos a 4, o Supremo derrubou leis do Ceará, Maranhão e Bahia que obrigavam escolas particulares a reduzir mensalidades durante a pandemia.

A maioria acompanhou Alexandre de Moraes, para quem os estados não têm competência para legislar sobre relações contratuais. A lei federal de combate à pandemia, observou o ministro, não prevê esse tipo de medida.

“A Lei estadual, ao estabelecer uma redução geral de preços fixados nos contratos para os serviços educacionais, fixou norma geral e abstrata para os contratos não fundada em ilicitude ou abusividade cometida pelos fornecedores”, escreveu no voto.

O julgamento ocorreu no plenário virtual e foi encerrado na semana passada.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO