Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Estamos diante do depoimento mais cínico da CPI”, diz Renan a Marconny Faria

Os senadores também tem lembrado que o lobista da Precisa Medicamentos participou de atos políticos em favor do presidente Jair Bolsonaro
“Estamos diante do depoimento mais cínico da CPI”, diz Renan a Marconny Faria
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Após Marconny Faria se negar a responder a algumas perguntas da CPI, o relator do colegiado, Renan Calheiros (MDB-AL), criticou a postura do empresário, apontado como lobista da Precisa Medicamentos.

“Estamos diante do depoimento mais cínico da CPI. Esse senhor que não se recorda de nada era militante do combate à corrupção no país. E depois se destacou em um trabalho de bastidor, de lobby, de defesa de interesses escusos para várias empresas, principalmente para a Precisa”, disse Calheiros.

Em 23 de maio do ano passado, Faria participou de um churrasco com outras cinco pessoas, entre elas a advogada de Jair Bolsonaro Karina Kufa. Mas ele se negou a responder quais eram as outras pessoas que participaram do evento.

Os senadores também tem lembrado que o lobista participou de atos políticos em favor do presidente Jair Bolsonaro.

“Para subir em caminhão é macho, mas quando chega aqui, a conversa é diferente”, disse o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM).

Mais notícias
TOPO