Evento de aniversário de Furnas vira ato contra privatização da Eletrobras

Evento de aniversário de Furnas vira ato contra privatização da Eletrobras
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Em evento virtual que comemorou o aniversário de 64 anos de Furnas, o ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ) afirmou, em vídeo, que não colocou a privatização da Eletrobras em pauta pelo projeto estar “sob suspeita”. 

“O ministro da Economia (Paulo Guedes) disse que ia fazer em 90 dias quatro privatizações. Estou procurando e nenhuma saiu. E a única que ele colocou está sob suspeição, que é a Eletrobras. Está sob suspeita porque estão negociando modelagem para beneficiar acionista”, disse.

O encontro comemorativo, que contou com parlamentares, servidores e acadêmica, virou um ato contra a Medida Provisória entregue por Jair Bolsonaro ao Congresso.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO