Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ex-assessor de Pazuello será investigado pela CPI mesmo fora do país

Transferido para um cargo no Consulado do Brasil em Londres, Flávio Werneck continuará na mira dos senadores da comissão
Ex-assessor de Pazuello será investigado pela CPI mesmo fora do país
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O diplomata Flávio Werneck vai continuar sendo investigado pela CPI da Covid, diz a Crusoé. Como a revista mostrou mais cedo, ele será transferido do posto de assessor internacional do Ministério da Saúde para um cargo no Consulado do Brasil em Londres.

“Werneck foi cedido ao Ministério da Saúde em junho de 2020 pelo então chanceler, Ernesto Araújo, e nomeado para chefiar a assessoria internacional da pasta pelo general Eduardo Pazuello, até então ministro interino da Saúde.”

Alessandro Vieira é “autor de um pedido de quebra de sigilo telemático do diplomata que chegou a ser aprovado no mês passado, mas foi suspenso pelo ministro Luís Roberto Barroso, do STF”.

Leia mais aqui.

Mais notícias
TOPO