ACESSE

Ex-assessora de Flávio na Alerj recebeu R$ 172 mil do Comando do Exército

Telegram

Juliana Siqueira Guimarães Vargas, um dos alvos da investigação sobre o esquema de rachadinha no antigo gabinete de Flávio Bolsonaro na Alerj,  recebeu ao menos R$ 172 mil em salários do Comando do Exército.

A informação é da Crusoé desta semana.

Extratos obtidos pelo MP do Rio mostram que os pagamentos feitos pela corporação à ex-assessora do 01 ocorreram nos anos de 2013, 2015 e no início de 2016, depois que ela saiu da Alerj.

Juliana é prima de Ana Cristina Siqueira Valle, a segunda ex-mulher de Jair Bolsonaro.

A revista procurou o Exército para saber qual função Juliana desempenhou, mas não obteve resposta.

LEIA AQUI a notícia na Crusoé.

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Leia mais: Depois do petrolão, que escanteou as grandes empreiteiras do país, o Exército e uma construtora com passado heterodoxo lideram os novos contratos de obras do governo federal

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 25 comentários