Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ex-presidente da Braskem não vai delatar

Ex-presidente da Braskem não vai delatar
Foto: Reprodução/Youtube

Embora tenha admitido sua participação em esquemas de suborno nos EUA estimados em US$ 250 milhões, o ex-presidente da Braskem José Carlos Grubisich não pretende delatar. 

Pessoas próximas do executivo disseram à Crusoé que o acordo de Grubisich nos Estados Unidos funciona como uma espécie de transação penal ou plea bargain, em que o acusado concorda em confessar a culpa em troca de uma pena menor do que a que poderia pegar se fosse julgado. 

O executivo admitiu ter pago propinas em troca de contratos na área petroquímica da Braskem com a PetrobrasEle se comprometeu a pagar US$ 2,2 milhões à Justiça americana, mas deve permanecer preso.

Leia aqui a íntegra da nota.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO