Ex-presidente da Caixa Seguros é alvo da PF

Ex-presidente da Caixa Seguros é alvo da PF
Divulgação

Um dos alvos da Operação Canal Seguro, 13ª fase da Descarte, é o francês Thierry Claudon, ex-presidente da Caixa Seguros (2001 a 2017). Ele foi alvo de busca e apreensão, bloqueio de bens e suspensão de atividades profissionais.

Na época dos fatos investigados pela PF e pela Receita, Claudon presidia a Caixa Seguros e a Caixa Vida e Previdência S/A, ambas subsidiárias da Caixa Seguros Holding (CSH), e também era vice-presidente do Conselho de Administração da Wiz Soluções e sócio minoritário e administrador da CNP Assurances Brasil Holding Ltda., empresa que detém o controle da Caixa Seguros Holding S/A, com 51,7% das quotas.

Outro investigado é Camilo Godoy, que ocupava o cargo de diretor comercial da Caixa Seguradora e também era membro do Conselho de Administração da Wiz Soluções. Era, ainda,
membro do Conselho de Administração da Caixa e Vida Previdência.

“Nesse contexto, tenho que há fundada suspeita de que CAMILO e THIERRY tenham sido favorecidos com valores suspostamente desviados da WIZ SOLUÇÕES (ex-FPC PAR CORRETORA DE SEGUROS), empresa da qual eram conselheiros à época dos fatos, por meio de pagamento da MARTHI à empresa El Chalaco. Destaco que CAMILO e THIERRY seriam os únicos sócios da referida empresa, segundo a informação fiscal.”

A suspeita é de que, entre 2014 e 2016, “três dos diretores da companhia desviaram valores que podem chegar a R$ 28.300.069,21 em atos de gestão fraudulenta”. A PF cita transferências a título de pagamento por prestação de serviços, superfaturados ou que na verdade não foram realizados pela corretora, que detinha exclusividade na venda de seguros da Caixa.

Os investigados podem ser enquadrados nos crimes de organização criminosa, sonegação fiscal, lavagem de dinheiro e crime contra o sistema financeiro. As investigações decorrem das operações Descarte, Chiaroscuro, Checkout, E O Vento Levou e Chorume, reforçadas pelas delações dos advogados Luiz Carlos da Fonseca Claro e Gabriel Silveira da Fonseca Claro.

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 4 comentários
TOPO