Ex-presidente do TCE diz que pagou propina quando era secretário de Garotinho

Jonas Lopes, colaborador da Operação Quinto do Ouro, afirmou hoje que entregou propina aos conselheiros do TCE-RJ antes mesmo de se tornar conselheiro e presidente do tribunal, registra o G1.

A entrega, disse Lopes em audiência, era feita por ele quando foi secretário da Casa Civil do então governador Anthony Garotinho.

O ex-presidente do TCE já admitira ter recebido mesadas para a que corte tivesse “boa vontade” com o Poder Executivo. Ele não informou se Garotinho sabia dos pagamentos.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 4 comentários
  1. E como poderia haver pagamento do Estado em troca da “boa vontade” do Tribunal, sem o conhecimento do Governador ???
    Dizer que Garotinho não sabia é ficção jurídica, conto de advogado para juiz dormir…

  2. Conselheiros dos Tribunais de Contas não fazem absolutamente nada sem a participação efetiva dos analistas concursados. Todos relatórios e análises são feitas pela turma de baixo.
    Brasil precisa destituir todos os funcionários públicos dos 3 Poderes e das 3 esferas de governo e recomeçar do zero.