Exclusivo: Calero denunciou à PGR ameaça de morte de Lúcio Vieira Lima

O Antagonista apurou que Marcelo Calero formalizou à PGR um pedido de investigação de crime de ameaça de morte por parte do deputado federal Lúcio Vieira Lima, irmão de Geddel.

Segundo Calero, a ameaça foi feita em novembro de 2016 numa conversa de Lúcio com o presidente da Fundação Palmares, Erivaldo Oliveira, que contou o caso ao ex-ministro.

Calero foi responsável pela queda de Geddel do governo Temer, após denunciar suas pressões pela liberação de um empreendimento imobiliário em Salvador.

Ao investigar o caso do ‘bunker’ de Geddel, a PGR descobriu que o apartamento no edifício La Vue foi adquirido com dinheiro de propina.

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 38 comentários
  1. Com 51 milhões os coronézinhos mandam e desmandam, deve ter muito mas muito mais escondido em outros apartamentos de amigos. Por isso queria ficar preso em Salvador. Eis a classe política do Brasil: como na época do descobrimento, se resolve as coisas na bala. Imundos.

  2. Após um ano de isolamento, Marcola volta a conviver com a cúpula do PCC em prisão do interior de SP. Condenado a 232 anos e 11 meses de prisão. A cúpula de Brasília nos três poderes está solta. Tem um perigoso fazendo campanha. Estamos perdidos e mal pagos, SOCORRO FFAA,

  3. Off topic: É URGENTE!
    Cláudio, apure isso por favor.
    Já existe denúncia da PGR e decisão do STF sobre o abuso da utilização de recursos dos depósitos judiciais para pagamentos de dívidas do Executivo.
    Pelo que entendi esse dinheiro é de pessoas que têm ação tramitando, e enquanto se recorre, o dinheiro fica depositado em conta do Estado como manda a Lei. Mas não deveria ser usado pelo Executivo.
    https://www.conjur.com.br/2017-mar-27/pgr-questiona-uso-depositos-judiciais-quitar-precatorios
    http://stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=335858
    https://www.conjur.com.br/2017-fev-14/stf-suspende-tranferencia-depositos-judiciais-governo-rio

    1. Só uma pessoa desinformada diria que uma noticia de um ano e um mês atrás, seria uma novidade!
      Acorda, pare com toda essa xucrice!!

  4. Por essas e outras é que grande parte dos leitores que deixam comentários aqui representa o quw existe de pior no mundo. Lembro de que na época muita gente aqui deixou comentários raivosos contra o então ministro.

    1. É verdade, Pedro. Mas foram muitos que detonaram Calero. E ele estava com a razão. Achei até estranho tanto desrespeito com um ministro só porque falou a verdade sobre o bandido Gedel. Nada como um dia depois do outro.

  5. É NORMAL MATAR -NÃO VAO DAR EM NADA–A FAMILIA DO GILMAR MENDES , DO MATO GROSSO CIDADE DIAMANTINO, MATA E NADA ACONTECE

  6. Nossa será que com essa ameaça dá pra nós simples mortais imaginar que realmente o Brasil está sendo governado por uma quadrilha sem limites? Cadê a justiça imparcial? Em que país estamos vivendo?

  7. Escola Sem Partido avança na Câmara de SP e já pode ser votado em plenário:

    https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/escola-sem-partido-avanca-na-camara-de-sp-e-ja-pode-ser-votado-em-plenario.ghtml

  8. não falo pelo povo brazilêro, mas falo pelo povo baiano: temos uma dívida eterna com o Calero!!!! Colocou o suíno jacarício no xilindró!!!! Sem o Calero, Gedel teria a proteção inefável do foro privilegiado,,, Obrigado, Calero!

  9. Vê-se mais uma família de bandidos poderosos que se apossaram do Brasil. Rapinaram o que quiseram e ainda se dão ao luxo de ameaçar. Devem ser deletados a todo custo. Leitões, no Natal, viram salsichas
    (ruins).

    1. Não nos iludamos. São todos “farinha do mesmo saco”. Basta uma breve passagem na Wikipedia. É mais um que nunca produziu um “prego” na vida. É apenas mais um da nova “SAFRA” de V.Exas. que veem para mudar tudo para que tudo permaneça como está. Mudam-se as moscas, mas o monte continua o mesmo.
      Quanto à ameaça de morte Sr.Calero, todo brasileiro passa por essa situação desde o momento de acorda até o momento em que dorme, melhor até quando dorme. Agora se caso morra pelas mãos de um dos seus? Paciência.