ACESSE

Exclusivo: A Copa de Dario Messer

Telegram

O Antagonista revelou ontem que o megadoleiro Dario Messer mantinha em sua agenda contados de políticos, empresários e celebridades.

Outros trechos do documento, que está em poder da Lava Jato no Rio, mostram que Messer tinha um pé no mundo do futebol.

O doleiro é conhecido, por exemplo, por sua amizade com Ronaldo Fenômeno. E constam lá da agenda os nomes do ex-atacante e de seu irmão Nelinho, com os respectivos celulares.

Mas o que chama atenção são os contatos do megadoleiro com empresários do futebol, como Renato Tiraboschi (ex-sócio de Roberto Teixeira), Helio Viana (ex-sócio de Pelé) e Eduardo Uram, agenciador de jogadores.

Tiraboschi, Viana e Uram tiveram seus nomes expostos no Swissleaks como titulares de contas no HSBC da Suíça.

Também está lá na agenda o agiota Sérgio Mizhari, preso na Operação Câmbio, Desligo. Ele foi citado pelos delatores Juca Bala e Tony numa operação para o atacante Emerson Sheik, do Corinthians, que queria comprar um apartamento.

Mizrahy repassou US$ 500 mil do atleta para contas indicadas pelos doleiros no exterior e recebeu o equivalente em dinheiro vivo no Brasil.

Confira um trecho da agenda – os dados pessoais foram ocultados por questões de privacidade. Abaixo, você encontra os links para as outras matérias sobre o caso.

Reveja aqui todas as reportagens:

Exclusivo: Horacio Cartes e Larissa Riquelme na agenda de Messer.

Exclusivo: A agenda do megadoleiro Dario Messer

Exclusivo: Ex-chefe de gabinete de Netanyahu na agenda de Messer

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 18 comentários