ACESSE

Exclusivo: Ex-assessor de Geddel e Lúcio resolve delatar

Telegram

O Antagonista apurou que Job Ribeiro Brandão, dono das digitais encontradas no bunker dos R$ 51 milhões, decidiu firmar um acordo de colaboração premiada.

O ex-assessor dos irmãos Geddel e Lúcio Vieira Lima é um arquivo vivo da corrupção.

Job tinha a nobre função de contar dinheiro para a Orcrim e relatou, num primeiro depoimento, que fazia isso até na casa da mãe dos Vieira Lima.

Como revelamos ontem, o ainda deputado se reuniu a sós com Michel Temer no Palácio do Planalto. Gravou, Lúcio?

Comentários

  • RodrigoV -

    E agora, Carainho? . Apelar para a emotividade e sentimentalismo do brasileiro para se livrar da cadeia não está adiantando mais. . E agora, Carainho?

  • nivax -

    Se cair nas maos do LEWANDOWUISK nao tera delaçao, ele detesta delaçao premiada,por que sera??

  • Columbo -

    A partir de agora ele será rotulado de mais criminosos delatando para salvar a própria pele! Esse é o argumento de todos os criminosos que destruíram esta nação!

Ler 26 comentários